Uma vida sem anticoncepcional

Desde os meus 16 anos eu tomava anticoncepcional. Já quis parar algumas vezes, mas acho que faltou a coragem de fazer isso. Coragem de inicialmente vc perder o “controle” de sua menstruação, ou em questões sexuais, mais uma “garantia” para evitar filhos. efeitos-colaterais-do-uso-prolongado-de-pilula-anticoncepcional

Porém esse ano decidi parar, mais especificamente, semana passada quando era para ter voltado, eu parei e não quis voltar a tomar. Em apenas uma semana, notei poucas diferenças no meu corpo e no meu organismo de uma forma geral. Diferenças essas que para mim são importantes, como menos sensibilidade na hora de fazer a depilação (ebaaaa haha), ou menos vontade em comer doces (sou uma chocólatra assumida). Alguns dias, sinto uma leve dor de cabeça, acho que é meu organismo começando a entrar em abstinência, e por isso “grita” por voltar a tomar. Mas tomo algo para aliviar a dor, e passa.

Estou descobrindo ainda quais as reações que meu corpo vai ter. Até o momento, estou gostando das pequenas mudanças que estou percebendo, não sei como será no decorrer dos meses. Acredito que meu fluxo vai aumentar, ou voltar ao que era antes, não sei quanto a minha libido, mas é tudo questão de tempo para descobrir. Não estou criticando quem ainda toma o anticoncepcional, estou aqui apenas para falar como me sinto sobre isso. Talvez alguém em algum lugar tenha interesse, curiosidade em saber, e não tenha para quem perguntar. Talvez ninguém leia esse texto, tanto faz. heheheh Lógico que cada organismo vai reagir de uma forma, mas estou comentando sobre o meu. Gostei da decisão que tomei.